Seguidores da Religião Umbanda

Translate

English French German Spain Italian Dutch Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified

segunda-feira, 26 de setembro de 2011

Pajés e Xamãs



A figura sacerdotal do Pajé (nome tupi guarani) estabelece a intermediação entre os homens e os espíritos ancestrais.

Exercendo ainda a função de curandeiro. Evidenciando assim, a crença de que as doenças físicas são causadas por influências espirituais. Essas influências espirituais, para o mal e para o bem são fortemente marcadas nas culturas indígenas.

E após o período de aculturação sofrida pela imposição do cristianismo e da quase que total extinção de nossos irmãos, o retorno às raízes naturais e ancestrais é um movimento silencioso e constante em todo o mundo.

A doença é entendida como uma saída temporária da alma, enquanto que a morte, seria a saída definitiva.

Outro elemento essencial à elevação espiritual, é a coragem; os covardes, os que não defendem os seus e a sua terra, não são merecedores de ingressar no mundo sem mal, ficariam presos à sua alma animal, vagando pelos cemitérios.

A religião indígena é estreitamente ligada à natureza, à terra e tudo o que é proveniente dela, incluindo o mundo animal (a alma animal).

Os pajés atuam nesse contexto como mediadores entre o sobrenatural e os humanos, seriam eles mesmos, humanos com poderes sobrenaturais; aptos à predizer o futuro, dominar de certa forma, mediante à ritos, os fenômenos da natureza, comunicação com toda o tipo de espíritos, cura do corpo e da alma, conselheiros pessoais e tribais.

Ocupam posição de alto status e em tempos remotos, eram poupados de irem às guerras.

Durante a pajelança, ele entra em contato com espíritos desencarnados, que seriam os responsáveis pelos males causados aos doentes, à fim de afastá-los e promover a consequente cura.

Essa figura, quase que mitológica vem ressurgindo e se popularizando entre os homens "brancos" , tanto no xamanismo , quanto nos terreiros de Umbanda.

Será um modismo... acho que não!

Por Claudia Baibich



4 comentários:

  1. Olá, seria possível passar o simbolismo ou alguma outra informação(para que eu mesmo pesquise) sobre a primeira imagem do post?

    Grato desde já!

    Att.

    Gustavo

    ResponderExcluir
  2. Ave! Viva! Namastê!...

    ResponderExcluir
  3. Motumba! Male, Axe!!!

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Ouça os Pontos da Linha de Esquerda da Umbanda

Luz Crística

"Estudo, requer meditação. A meditação leva a conclusões. E as conclusões fazem com que as pessoas modifiquem os seus hábitos e suas atitudes" – Dr. Hermann (Espírito) por Altivo Pamphiro (Médium)

Positivismo

Tal como são nossos pensamentos é nossa consciência: e tal como é nossa consciência, é nossa vida.

Se plantarmos uma semente de pensamento limpo e positivo e nos concentrarmos nele, damos a ele energia, tal como o sol dá energia para uma semente na terra. E tal como a semente na terra acorda, move-se e começa a crescer, os pensamentos nos quais nos concentramos acordam, movem-se e começam a crescer.

Então, vamos semear pensamentos positivos.

A cada manhã, antes de começarmos a jornada de nosso dia, sentemo-nos em silêncio e semeemos a semente da paz.

Paz é harmonia e equilíbrio. Paz é liberdade - liberdade do peso da negatividade e do desperdício. Deixemos que a paz encontre sua morada dentro de nós. A paz é a nossa força original, nossa eterna tranquilidade de ser.]

Permita que seu primeiro pensamento do dia seja de paz. Plante essa semente.

Regue-a com atenção e você atingirá a calma.

Por Antony Strano

Obras Básicas da Doutrina Espírita - Pentateuco Espírita

O Livro dos Espíritos - Contendo os princípios da Doutrina Espírita sobre a imortalidade da alma, a natureza dos Espíritos e suas relações com os homens, as leis morais, a vida presente, a vida futura e o porvir da humanidade – segundo o ensinamento dos Espíritos superiores, através de diversos médiuns, recebidos e ordenados por Allan Kardec. O Livro dos Médiuns - Contendo os ensinamentos dos Espíritos sobre a teoria de todos os gêneros de manifestações, os meios de comunicação com o Mundo Invisível, o desenvolvimento da mediunidade, as dificuldades e os escolhos que se podem encontrar na prática do Espiritismo. Em continuação de "O Livro dos Espíritos" por Allan Kardec. O Evangelho segundo o Espiritismo - Com a explicação das máximas morais do Cristo em concordância com o Espiritismo e suas aplicações às diversas circunstâncias da vida por Allan Kardec. Fé inabalável só é a que pode encarar a razão, em todas as épocas da Humanidade. Fé raciocinada é o caminho para se entender e vivenciar o Cristo. O Céu e o Inferno - Exame comparado das doutrinas sobre a passagem da vida corporal à vida espiritual, sobre as penalidades e recompensas futuras, sobre os anjos e demônios, sobre as penas, etc., seguido de numerosos exemplos acerca da situação real da alma durante e depois da morte por Allan Kardec. "Por mim mesmo juro - disse o Senhor Deus - que não quero a morte do ímpio, senão que ele se converta, que deixe o mau caminho e que viva". (EZEQUIEL, 33:11). A Gênese - Os milagres e a predições segundo o Espiritismo por Allan Kardec. Na Doutrina Espírita há resultado do ensino coletivo e concordante dos Espíritos. A Ciência é chamada a constituir a Gênese de acordo com as leis da Natureza. Deus prova a sua grandeza e seu poder pela imutabilidade das suas leis e não pela ab-rogação delas. Para Deus, o passado e o futuro são o presente.
Clique na Imagem e Leia o Livro.